Pessoas Seguras e Resiliência de Recursos

A iniciativa Pessoas Seguras e Resiliência dos Recursos abrange a gestão de riscos de segurança e saúde, a minimização dos impactos ambientais e a melhoria da ecoeficiência e resiliência de ativos operacionais, atividades de promoção, expansão e remodelação.

Capta o valor criado para os nossos parceiros de investimento e clientes do setor dos serviços, desde a conformidade legal à proteção do valor dos ativos a longo prazo, através da prestação de serviços de sustentabilidade.

A mesma salienta o papel que a Sonae Sierra pode desempenhar no apoio à ecoeficiência ao servir de banco de ensaio para provar a viabilidade das iniciativas no âmbito da resiliência dos recursos na nossa própria carteira de investimentos.

Contexto operacional

  • Regulamentação crescente dos aspetos ligados à segurança, saúde e ambiente (SSA).
  • Pressão por parte dos investidores e outros stakeholders no sentido de garantir que a Sonae Sierra opera de acordo com padrões elevados no domínio da SSA.
  • A escassez de recursos naturais conduzirá a um aumento dos respetivos custos, exigindo uma nova abordagem à forma como desenvolvemos e gerimos os ativos.

A nossa abordagem

  • Integrar estratégias de resiliência de recursos e um Sistema de Gestão de Segurança, Saúde e Ambiente (SGSSA) de excelência em todas as nossas operações corporativas.
  • Promover a implementação do SGSSA e a resiliência de recursos em todas as nossas carteiras de investimento.
  • Incentivar os nossos clientes a implementarem estratégias no domínio da segurança e da resiliência de recursos nos seus próprios ativos, através da demonstração de business cases e da oferta de serviços de sustentabilidade.
  • Posicionarmo-nos enquanto especialistas em estratégias na área da energia, da água e dos resíduos para ativos de retalho.
  • Promove as certificações de edifícios sustentáveis e desenvolve a resiliência dos ativos

Resultados esperados

  • Assegurar que os riscos para as pessoas, os ativos e os ecossistemas são minimizados.
  • Aumento da competitividade e apoio à rentabilidade a longo prazo, dando resposta aos desafios sociais e ambientais.

Valor partilhado criado

  • Eficiência operacional & Gestão de risco.
  • Reputação melhorada.
  • Proteção do valor dos ativos a longo prazo.
  • Diminuição do impacto ambiental.
  • Custos reduzidos/ novas receitas.
  • Melhoria da qualidade do serviço prestado aos clientes, lojistas e visitantes.
  • Envolvimento dos stakeholders.

O nosso desempenho até ao momento

Para além de termos melhorado consistentemente o nosso desempenho ambiental, em 2017, evitámos custos no valor de 24,5 milhões de euros em resultado da introdução, desde 2002, de melhorias em matéria de ecoeficiência nos domínios da energia, da água e dos resíduos.

Os gráficos a seguir apresentados ilustram o nosso progresso face aos indicadores-chave de desempenho que orientaram as nossas ações relativamente à eficiência energética, eficiência no consumo de água, gestão de resíduos e da reciclagem, biodiversidade e habitats e segurança e saúde.

Iremos tirar partido dos resultados alcançados até à data, no que diz respeito ao nosso desempenho em termos de segurança, saúde e ambiente, a fim de definir objetivos a longo prazo para esta área de enfoque em 2018.

  • Ano Base
  • Último ano
  • Objetivos para 2020

    Eficiência energética (excluindo lojistas) dos centros detidos (kWh/m2 mall e instalações sanitárias)

      Emissões de GEE dos centros detidos e escritórios corporativos – âmbitos 1 e 2 do Protocolo GEE, mais viagens de negócios em avião (t/CO2e/m2 ABL)

        Eficiência no consumo de água (excluindo lojistas) dos centros detidos (litros/visita)

          Resíduos totais reciclados como proporção dos resíduos produzidos (% por peso) em todos os centros detidos

            Proporção de projetos concluídos em terrenos previamente urbanizados (% por área)

              Taxa de acidentes nível 3, 4 e 5, do nosso porfolio detido 1

                Taxa de Acidentes (LWCAFR) entre colaboradores 2

                1 Número de acidentes nível 3, 4 e 5 entre lojistas, prestadores de serviços e visitantes por milhão de visitas. Os acidentes de nível 3, 4 e 5 são definidos como aqueles que resultam em assistência, dias de trabalho perdidos / interrupção da vida e fatalidade / invalidez permanente, respectivamente.
                2 O LWCAFR é o número de acidentes que resultam em um ou mais dias perdidos por milhão de horas trabalhadas dos colaboradores da Sonae Sierra (colaboradores diretos e colaboradores supervisionados).

                Informações adicionais

                Na página Relatórios é possível descarregar uma lista de objetivos a longo prazo relacionados com a área de enfoque Pessoas Seguras e Resiliência dos Recursos.

                Para mais informações sobre o historial do nosso desempenho, os indicadores-chave de desempenho adicionais e a nossa abordagem em matéria de gestão, consulte o nosso Relatório Económico, Ambiental e Social de 2017 aqui.

                Para exemplos das nossas iniciativas relativas a Pessoas Seguras e Resiliência dos Recursos, consulte os casos de estudo.

                Saiba mais sobre a Sonae Sierra

                Envie-nos a suas perguntas e requisições.